Notícias

Chuva causa tragédia em Salvador

Deslizamentos de terra deixam 14 mortos em Salvador. De acordo com a Defesa Civil de Salvador (Codesal), foram registrados 103 deslizamentos de terra na capital até as 16h.
Teófilo Henrique, com informações de Luana Almeida e Luan Santos | A TARDE
27 de abril de 2015 às 21:29
 
Pior situação aconteceu na San Martins, sete já foram encontrados mortos - Foto: Marco Aurélio Martins | Ag. A TARDE

 


Chega a 14 o número de mortos devido aos transtornos causados pela chuva que atingiu Salvador na manhã desta segunda-feira, 27. De acordo com a Defesa Civil de Salvador (Codesal), foram registrados 103 deslizamentos de terra na capital até as 16h. Os mais graves aconteceram na Av. San Martin, na localidade do Barro Branco, e em Bom Juá, na localidade de Marotinho.


Em San Martin, 11 vítimas foram localizadas, oito mortas e outras quatro feridas. A identidade das vítimas  não foi divulgada pelos órgãos oficiais, no entanto, segundo informações dos moradores do bairro, estavam entre os mortos Samuel dos Santos, 12; Elaine Silva, 31; Magnólia Paim, 40; José Cosme, 50; Maria Tereza, 65; Maria José, 71; e Cássia Souza, 35. A oitava morte foi confirmada pelo chefe da Assessoria Geral de Comunicação da Prefeitura, Roberto Messias.


Entre os sobreviventes, estão dois adolescentes, uma menina de 14 anos, que foi levada para o Hospital do Subúrbio, e Roberto Ubiratan Júnior, 16, socorrido e levado para o Hospital Roberto Santos. Outras duas pessoas não tiveram os nomes divulgados. O estado de saúde de todos não foi informado. O corpo de bombeiros estima que outras pessoas estejam soterradas.


 

A assessoria de comunicação do HGE informou que Jeane da Cunha Bispo e uma criança de oito anos do sexo masculino com as iniciais A.B.P, vítimas do deslizamento na localidade do Marotinho, Bom Juá, continuam hospitalizadas em estado grave. Uma jovem de 13 anos com as iniciais B.A. recebeu alta ainda nesta tarde.

 

Deslizamento de terra causa mortes em San Martin e em Bom Juá


A localidade de Barro Branco, na Avenida San Martin, já foi cenário de outro grande deslizamento de terras há 19 anos. A tragédia, que aconteceu no dia 21 de abril de 1996, deixou 13 mortos e cerca de 300 desabrigados.


Marotinho

Na localidade, as equipes de resgate encontraram oito vítimas, seis mortos, sendo que dois morreram no local e outros dois ainda foram resgatados com vida mas não sobreviveram. A sexta morte também foi confirmada por volta das 19h30, pelo chefe da Assessoria Geral de Comunicação da Prefeitura, Roberto Messias. Três pessoas foram resgatadas com vida e encaminhadas para o Hospital Geral do Estado. 


Hospital alagado

O Hospital das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), na Cidade Baixa, ficou com o andar térreo completamente alagado.

De acordo com a assessoria da Osid, três enfermarias ficaram inundadas e cerca de 120 pacientes estão sendo transferidos para outras áreas do próprio hospital. Existe a possibilidade de pacientes irem para outra unidade hospitalar.


Cancelamentos

Eventos e atividades que aconteceriam em Salvador nesta segunda-feira, 27, foram cancelados em consequência das chuvas. Escolas municipais suspenderam as atividades, o expediente no Tribunal Regional do Trabalho também foi suspenso. A solenidade para assinatura da ordem de serviço para início das obras de requalificação do Rio Vermelho e o Detran-Ba decidiu adiar o lançamento do concurso para a escolha do mascote do órgão. O Governador Rui Costa cancelou sua agenda no interior e decidiu ficar na capital para liderar o processo de apoio à cidade.


Leia mais em:

http://atarde.uol.com.br/bahia/salvador/noticias/1676626-deslizamentos-de-terra-deixam-11-mortos-em-salvador


Sou associado
E-mail ou Usuário(ID):
Senha:
Fórum da AUDITAR
 
Consultoria Jurídica
Twitter   Facebook   RSS
AUDITAR © 2019
Total de visitas: 4.836.738 (Desde 06/2010)