Notícias

Presidente da Câmara volta a questionar salários dos servidores

Durante entrevista, Maia pontuou uma possível disparidade entre os salários dos servidores públicos e dos funcionários da iniciativa privada
Comunicação Auditar
05 de agosto de 2020 às 16:52

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, voltou a questionar os salários recebidos pelos servidores públicos, durante entrevista à Rádio Jovem Pan, na manhã desta quarta-feira (5).

 

Durante entrevista, Maia pontuou uma possível disparidade entre os salários dos servidores públicos e dos funcionários da iniciativa privada. "Não quero cortar o salário de ninguém, mas os salários médios no setor público são o dobro da iniciativa privada”, pontuou.

 

O presidente da Câmara ainda cobrou urgência no andamento da reforma administrativa, que mexe com as regras do funcionalismo público. De acordo com estimativas, a reforma já pode ir à votação ainda no primeiro semestre de 2021.

 

Na visão do presidente da Auditar, a demonização e os constantes ataques aos servidores públicos não levam em consideração a qualidade e o desempenho das tarefas desempenhadas por eles, tampouco o grau de complexidade das atribuições exercidas. Na verdade é uma retórica colocada para virar a população contra o serviço público na intenção de desestruturar as atividades do Estado.

 

A Auditar, em parceria com outras entidades, continua acompanhando as propostas dentro do Congresso Nacional que visam fragilizar o serviço público. A associação já traça estratégias para resguardar o direito dos servidores.

Sou associado
E-mail ou Usuário(ID):
Senha:
Fórum da AUDITAR
 
Consultoria Jurídica
Twitter   Facebook   RSS
AUDITAR © 2019
Total de visitas: 4.872.816 (Desde 06/2010)