Notícias

Dia Nacional em Defesa do Serviço Público sinaliza início de grandes atos contra Reforma Administrativa

O evento foi um sucesso de público e engajamento social. Durante toda tarde desta quarta-feira, parlamentares, dirigentes sindicais e servidores públicos puderam opinar sobre os malefícios da PEC 32/2020 - que trata da Reforma Administrativa - e sobr
Comunicação Auditar
25 de março de 2021 às 12:52

O primeiro passo de um grande despertar dos servidores públicos. O Dia Nacional em Defesa do Serviço Público, que foi realizado nesta quarta-feira (24/38), reuniu milhares de pessoas de todo território nacional para alertar a sociedade para os malefícios da fragilização do serviço público com as recentes propostas do governo.

 

O evento foi um sucesso de público e engajamento social. Durante toda tarde desta quarta-feira, parlamentares, dirigentes sindicais e servidores públicos puderam opinar sobre os malefícios da PEC 32/2020 - que trata da Reforma Administrativa - e sobre as diversas outras medidas que estão na pauta do governo para prejudicar os servidores públicos.

 


"Tivemos um evento com repercussão bastante positiva. Sentimos que os servidores estão determinados a não deixar o governo passar o rolo compressor em cima dos direitos da categoria e da prestação de serviços públicos de qualidade para toda sociedade", pontuou Wederson Moreira, presidente da Auditar.

 


A mobilização foi convocada pelo Fonacate, em parceria com o Movimento Basta!, Frente Parlamentar Servir Brasil, Auditar e outras entidades. O deputado André Figueiredo (PDT-CE) foi um dos parlamentares presentes no evento e reafirmou o compromisso de lutar por toda categoria.

 


"Nessa pandemia a gente tem visto quão importante é um serviço público adequado e com qualidade. Lamentavelmente o governo brasileiro trata com desdém. Temos que nos mobilizar. A PEC 32 é uma tentativa de demonização dos servidores públicos" lamentou o parlamentar.

 


Na visão do deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), o governo está querendo imputar a crise política e da má gestão dos recursos públicos aos servidores públicos. "A culpa não é dos servidores públicos. Eles estão arriscando suas vidas atendendo os brasileiros, nos hospitais, nas ruas, na segurança pública e nas escolas", pontuou Molon.

 


Twittaço

 

Mais cedo, os servidores também realizaram Twittaço como parte das atividades do Dia Nacional em Defesa do Serviço Público. A hashtag #oServiçoPúblicoÉdoPovo, criada pelo movimento para sensibilizar a população e conscientizar os cidadãos brasileiros de combater a PEC 32/2020 esteve entre os assuntos mais comentados do Brasil no Twitter (trending topics), com cerca de 7 mil interações.

Sou associado
E-mail ou Usuário(ID):
Senha:
Fórum da AUDITAR
 
Consultoria Jurídica
Twitter   Facebook   RSS
AUDITAR © 2021
Total de visitas: 5.006.511 (Desde 06/2010)